quarta-feira, 29 de abril de 2009

À espera

Sinto falta que o mundo me sussurre ao ouvido,
que a inspiração me beije a pele...

Tenho o silêncio no formigueiro dos dedos!
O baú da alma guarda a harmonia das sombras
e o lume da inquietação...

Anseio pela estrela que alastra o sorriso.
Anseio pelo vento que espalhe as brasas que me estalam no peito!

3 comentários:

Anônimo disse...

Os momentos mais belos á agora sentir uma nova vida dentro da nós. Sentir cada pontapé cada volta é unico... Que saudades...
A espera é um grande tormento mas vale a pena... Tudo de bom e que continue a correr bem...

Parapeito disse...

:))
A estrela ja brilha..só que ainda escondida...
Não tarda será a mais bela a brilhar no céu do teu olhar...
A espera vale a pena...
Um abraço Lipa****

Joanawolf disse...

A ânsia é realmente chata, mas valerá a pena!